DENÚNICA ENCAMINHADA AO INSTITUTO HISTÓRICO E GEOGRÁFICO CATARINENSE - CRUZ E SOUZA - PROTOCOLO

 

TRANSCRIÇÃO - PROTOCOLO

 

Enseada de Brito, 18 de fevereiro de 2004.

 

Ilmo. Sr. Carlos Humberto Corrêa
MD Presidente do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina
E/M.

        
Prezado Sr.

         Dirijo-me a este conceituado Instituto, referência para o conhecimento histórico e cultural de Santa Catarina, no intuito de informá-lo sobre  questões pertinentes a manipulação e adulteração no uso da bibliografia histórica Catarinense.
Os resultado destes procedimentos, aquém da conceituação científica e da ética,  além de comprometerem a memória do Estado e dos Catarinenses que a escreveram, estão servindo como subsídios  para um grupo de pessoas obter benefícios em causa própria, em prejuízo aos reais interesses da cidadania e do futuro de Santa Catarina.
Peço-lhe a oportunidade de expor a minha denúncia, fundamentada em  provas documentais e solicitar, se o Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina julga-la procedente, um posicionamento oficial sobre a questão.

Atenciosamente

 

Walter Alberto Sá Bensousan
Rua Panamá, 589 - Enseada de Brito.
Palhoça - SC
Tel. 9102-43-42
CEP 88000-000